URGENTE: Guia para driblar os algoritmos do Design do Ódio

É preciso agir rápido com o que temos na mão para escapar dos padrões de ódio distribuídos pelas Redes Sociais e alimentados por todos nós. Leia com atenção.

As Redes Sociais como YouTube, Twitter e Facebook distribuem os conteúdos com critérios estabelecidos por algoritmos. Esses algoritmos são programas de computador sofisticados. Nos dias atuais são chamados de design de programação. Os atuais designs trabalham com BIG DATA. Big data são muitos dados. Para encontrar padrões neste volume de informação, as gigantes da Tecnologia (Alphabetic e Facebook) aplicam Inteligência Artificial para processar os dados.

Portanto, entenda de uma vez que não existe nada aleatório ou discricionário nos posts que aparecem em sua Time Line.

Recentemente, depois da crítica contundente do maior informativo de mercado financeiro do mundo, a Bloomberg e da queda brusca nos valores de suas ações, a dona do Google e do Youtube, a Aphabetic, baniu o canal de uma pequena fascista de 14 anos chamada Soph.

Foi preciso que a garota, depois de ofender raças e gays, chegasse ao ponto de apoiar os atiradores em massa e de ameaçar a própria CEO da Alphabetic, para que a empresa saísse da inércia.

Por que o Youtube demorou?

A resposta é simples: audiência. Para atingir a meta de ter mais expectadores que as Redes de Televisão, o Youtube desenhou seu algoritmo para projetar os temas mais polêmicos – dá mesma forma que a impressa sensacionalista trata os temas odientos há décadas. Os Youtubers, o Steve Bannon, o Bolsonaro e todos que não carregam respeito algum a nada passaram a falar e a gravar vídeos (mais virais e efetivos que textos) com conteúdos chulos, odientos que provocam raiva e indignação nas pessoas. Por isso, o Boçal fala uma merda (desculpe) por dia. Para que a indignação dos bons faça seu conteúdo ser compartilhado e entrar no radar do programa (IA) das Redes Sociais.

Os trends tópics não são apenas os assuntos mais vistos. Eles são os marcos, os piquetes para que os algoritimos escolham o padrão a ser multiplicado para alcançar mais audiência.

Essa é a armadilha das redes sociais. Você compartilha o vídeo do Boçal para criticar, mas o algoritmo não entende a crítica ou raiva dentro da polêmica. Ele expõe o assunto como se fosse um mero debate.

As gigantes da tecnologia estão buscando um acordo para mudar algortimos sem perder audiência

O golpe já foi acusado. Existem experiências com vídeos emocionais e histórias boas de solidariedade que estão sendo inseridos como padrões no BIG DATA. Mas isso ainda vai demorar e pode até não dar certo. Enquanto isto escrevo abaixo práticas simples para sair desta armadilha

Guia Para sair da armadilha do Design do Ódio.

1 – Evite compartilhar vídeo asneira do Boçal ou de qualquer um dos seus acecla, sem uma crítica contundente. Só com ironia, é exposição do lixo que você quer criticar.

2 – De preferência fotografe a tela do celular para não dar cliques para os escroques.

3 – Desmonte o discurso ponto a ponto.

4 – Seja criativo. Memes e infográficos são bem vindos.

5 – Edite contravídeos usando a propagando do Boçal. Reedite o conteúdo contrapondo ponto a ponto. Dá trabalho mas são muito eficientes para demolir os mitos e as mentiras.

6- Divida as tarefas entre os amigos e ajude e ampliar o combate ao Fake News: cada um pega um tema para criticar.

6 – Não perder tempo polemizando na timeline dos escroques e fascistas. O algoritmo das redes sociais difundem os temas mais polêmicos. Então não deixe o chorume pautar os trends topics. Paute você o assunto.

7 – Publique vc o tema polêmico e não tenha medo das trolagens nem dos stalkers (os perseguidores).

8 – Polemize sem perder a linha. Mantenha a elegância, firmeza, ironia, mas nao ofenda. Se for ofendido faça um print de tela e divulgue à exaustão. E informe a Delegacia de Crimes Cibernéticos (se for o caso).

9 – Os Boçaisnaros querem usar sua indignação para gerar publicações e impressões orgânicas nas redes sociais.

10 – Divulguem estes 10 mandamentos para sair do chorume tóxico de impropérios. Lembre-se, é preciso do armadilha deles. É necessário pautar a polêmica e nao ser pautado pelo ódio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s